30 de maio de 2010

Mamadeiras & a Obesidade Infantil


Pesquisadores dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos (CDC), descobriram após pesquisa, que bebês alimentados com mamadeira logo nos primeiros meses de vida parecem se tornar mais comilões durante a infância do que aqueles alimentados exclusivamente pela amamentação.


Acompanhando o primeiro ano de vida de 1250 crianças, os pesquisadores descobriram que aqueles que tomavam mamadeira nos primeiros seis meses de vida - mesmo que fosse de leite materno - apresentavam menos "autorregulação" do apetite mais tarde.

Segundo os autores do estudo, esse chamado "efeito mamadeira" pode ser uma das razões para a associação entre aleitamento materno e um menor risco de obesidade infantil. No estudo, a autorregulação foi medida quando os bebês tinham sete, nove, 10 e 12 meses de idade, com as mães sendo perguntadas sobre a frequência em que os bebês tomavam uma mamadeira ou um copo de leite inteiros. Os resultados indicaram que, entre os exclusivamente amamentados nos primeiros seis meses, 27% sempre terminavam sua mamadeira, comparados com 54% daqueles que tiveram alimentação mista, e 68% dos alimentados apenas com mamadeira nos primeiros meses de vida.

Os bebês que tiveram mais de dois terços de sua alimentação via mamadeira no início da vida tinham duas vezes mais chances de, mais tarde, esvaziar a mamadeira do que aqueles que tiveram menos de um terço de sua alimentação pelo recipiente. E o padrão era similar tanto para mamadeiras com fórmula láctea quanto para aquelas com leite tirado do peito.
 
 
Fonte: http://www.ururau.com.br/saude215_Beb%C3%AAs_alimentados_com_mamadeira_se_tornam_crian%C3%A7as_mais_comilonas

2 comentários:

  1. isso só vem reafirmar o quanto a amamentação é importante... adorei anova cara do blog.. bjus

    ResponderExcluir

Ocorreu um erro neste gadget