20 de novembro de 2015

À procura de uma escola - Parte Final, e o início de uma nova etapa!

A primeira parte da nossa busca por uma escola de ensino fundamental para o Pietro cursar o primeiro ano em 2016, eu contei no post À procura de uma escola - Parte I - Escolas que rezam o pai-nosso. E hoje venho contar que finalmente encontramos uma escola que aparentemente está dentro do que procuramos pra ele no momento.
E sim, é uma escola pública Estadual. Vou contar como chegamos até ela.
Depois de conhecermos algumas escolas particulares da região, meu marido e eu ficamos com aquela sensação de que nenhuma era bem o que a gente procurava.
Além disso, eu acho que pagar caro por um ensino mixuruca não vale a pena.
Algumas das escolas particulares começam o primeiro ano com várias matérias. Considerando que o primeiro ano do fundamental é o "prézinho" da minha época, e eu nem sabia ler e escrever quando entrei nele, acho totalmente desnecessário colocar uma criança em um ambiente cheio de apostilas, matérias, vários professores e exigências.
Uma dessas escolas particulares nem tinha espaço suficiente para as crianças correrem, brincarem ao ar livre. O Pietro percebeu e fez esse comentário.
Aquilo me deixou tão encanada, porque não quero colocar meu filho numa "caixa" pra aprender português e matemática, ensino religioso e afins. Quero que ele tenha liberdade pra explorar o ambiente.
Mas daí, você pensa naquelas escolas com métodos construtivistas, Montessori, Waldorf... Mas elas custam TÃO caro, que eu fico pensando até que ponto também valeria a pena, já que ele tem nosso acompanhamento aqui em casa e nosso apoio para reflexão, questionamentos, exploração... E nem temos essa dinheirama toda, então infelizmente está fora de questão.
Enfim, me lembrei de um dia em que encontrei a mãe de um coleguinha da creche do Pietro, e ela me contou sobre uma escola pública ali da região que seria muito boa e que o filho estava adorando.
Falei com o marido e fomos ver a escola por fora, mesmo, pra saber como era e onde ficava.
A escola é toda colorida, tem pinturas nas paredes e muitas árvores e jardins. É uma escola só de ensino fundamental, bem com "cara de criança" mesmo. Me apaixonei só de olhar.
Saindo de lá, vimos uma casa para alugar bem pertinho. Como já estávamos à procura de outro lugar para morar, ligamos e acabou dando certo.
Conto mais sobre a mudança no post Aniversário de 6 anos, fim do "quarto-compartilhado" e mudanças.

Procurei perguntar para outras mães sobre essa escola e até para a diretora da creche em que o Pietro frequenta, e recebi muitos feedbacks positivos sobre ela.
E essa semana fomos fazer a matrícula na escola nova...
Até outro dia eu estava aqui, "chorando" e contando sobre o início na creche, todas as dificuldades que enfrentamos. E agora meu filhote está matriculado no primeiro ano do Fundamental.
Como o tempo voa!!!
Como sempre, estou ansiosa com as mudanças. Muita coisa muda quando a gente entra nessa fase da vida, não é mesmo?
E ano que vem, além de todas as mudanças na vida do Pietro, ainda vai ter um adicional bem singnificativo: a chegada da irmãzinha.
É, vou ter muito que escrever nesse blog rs.
Enfim, a busca pela escola se encerrou. Mas muitas novidades ainda estão por vir.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget