5 de janeiro de 2012

Pietro desmamou

Aos 2 anos e 3 meses, e vou contar como foi.


Minha ginecologista sumiu (deve ter ido viajar), e eu queria fazer uma consulta, então fui em outra, por indicação da minha prima.
Ela me pediu vários exames, e para meu espanto, disse que eu teria que parar de amamentar urgentemente, ou então voltar a tomar a mini-pílula (Cerazette).
Segundo ela, o Diane 35 é considerado um dos anticoncepcionais mais fortes, e que eu estava inserindo hormônio feminino no organismo do meu filho. Fiquei desesperada porque nem minha ginecologista e nem o pediatra me alertaram sobre isso e eu já tinha voltado a tomá-lo alguns meses atrás e continuava amamentando.
Saí de lá com vontade de chorar, desesperada, pois já estava amamentando o Pietro e tomando o Diane 35 há mais ou menos 7 meses!!!
Ainda bem que ele estava usando mais o peito pra chupetar do que pra sugar o leite, mas mesmo assim fiquei preocupadíssima.
Como eu sofro bastante com os ovários policísticos, achei que seria melhor parar de amamentar.
E consegui, apesar do Pietro não ter gostado muito no começo, mas conversei bastante com ele.
Não passei nada com gosto ruim no peito, não inventei histórias... Disse a verdade pra ele.
Enfim... Ele não pediu mais. Não foi do jeito que eu queria, mas uma etapa se foi.
Fico feliz em ter amamentado até essa idade, e confesso que se não fosse essa síndrome dos ovários policísticos, eu continuaria amamentando.

Um comentário:

  1. (Vi sobre seu blog no fb da Renata, esposa do Hugo Carrion).


    É complicado esse lance de amamentação e anticoncepcional. Eu tentei usar o cerazzete assim que a Bia nasceu, mas não me adaptei de forma alguma, passava mal, foi um lixo pra mim. Então fiquei sem, só na base da camisinha. Mas para ser sincera, enche o saco, meu ciclo estava maluco, e então fui em uma médica do posto de saúde, que me passou o anti que eu usava antes de engravidar.
    Passei mal toda a primeira cartela, coisa que nunca aconteceu com esse remédio.
    Isso a Beatriz já tinha quase 2 anos, amédia inssitiu para eu tirar o peito mas eu não quis.

    Depois dessa primeira cartela voltei ao médico, para dizer que havia passado muito mal, fui atendida por outra médica que viu no meu prontuário que por causa da válvula artificial que eu tenho no coração eu não poderia tomar hormonio estrogênio.
    E eu tomei ANOS. Eu poderia ter um AVC, Trombose, entre outras coisas.
    Foi horrível, me senti péssima por ter confiado no médico e me passarem algo que eu não poderia tomar.

    Larguei de vez dos anti, aguento cólica forte, e tudo mais. Mas continuo amamentando.

    Eu preciso desmamar a Beatriz, agora ela vai para a escolinha e tudo mais, e eu nao sei nem por onde começar. Até porque, queria algo gradual sem sofrimento para ambas as partes! =///



    Beiiijos
    http://parabeatriz.blogspot.com

    ResponderExcluir

Ocorreu um erro neste gadget